REAJUSTE Preço do botijão de gás sobe 7% a partir de hoje no Estado

div-brms div-brms

Gás de cozinha fica, em média, 7% mais caro em Mato Grosso do Sul a partir de hoje, em função de nova política de preços para o produto, comercializado em botijões de até 13 quilos e de uso residencial, anunciada ontem pela Petrobras.

De acordo com a estatal, a aplicação de nova fórmula de preços para o Gás Liquefeito de Petróleo (GLP-P13) implicará um aumento médio nas refinarias de 6,7% neste mês.

Já de acordo com informações do Sindicato do Gás de Mato Grosso do Sul, a composição final do índice de reajuste para o gás de cozinha no Estado agora em junho deve-se ainda à incorporação da pauta fiscal do combustível, que entrou em vigor no dia 1º com reajuste, além do aumento de tributos.

Ainda conforme a nova política de preços da Petrobras, o gás de cozinha terá alta de preços todos os meses.

Com o aumento, o preço médio do botijão em Campo Grande deve passar de R$ 65,00 para R$ 70,00 (valores defasados em cerca de menos 13%, segundo o sindicato, em decorrência de forte concorrência no mercado local). Já no Estado, o valor passará de R$ 70,00 para R$ 75,00.

Fonte do artigo – Correio do Estado:


Minha Opinião: 

As coisas no Brasil ta muito bagunçado , veja bem postamos esses dias que baixou o preço do petróleo gasolina etanol  e etc, que merda é essa , afinal de que é feito o gás de cozinha , não é composto de gás e está na categoria de petróleo .

O Brasil precisa ser mais transparente !!!


Paulo Rodrigues – Colunista Brasilms.com

Sobre o autor

Blogueiro, Arte Finalista, Programador de sites wordpress e colunista de assuntos gerais do site Brasilms.com

posts relacionados

BR-Universal 2